Random: Cinema, Mr. Robot e uns Digital trash



Oi, amigos, como estão? Espero que estejam bem... pq eu também tô *-*

Primeiro de tudo, queria falar pra vcs passarem nessa guia nova aí em cima, chamada Sobre/FAQ, que nada mais é do que a guia Sobre atualizada. Se por acaso vc tá chegando agora, vai encontrar um pouco da história do blog e os objetivos dele, os projetos, frequência de posts, assuntos abordados, etc., bem como links pros grupos dos quais faço parte e as redes sociais. Falando em redes sociais, atualizei as fotos com os links pra elas na guia Contato (percebam que gifs legais são aqueles), e embaixo da minha foto aí do lado tem os social icons com essa cor verde alien que achei fofinha.

P. S.: Os icons não são mais verde alien, como vcs podem ver.

Atualizações à parte, passemos pros assuntos do título.

Uma das coisas mais legais desses últimos dias foi ter voltado a colocar os pés no cinema pra assistir Batman vs. Superman junto com a minha irmã, e... rapaz, que filme é esse?? Sério, esqueçam as críticas babacas e divirtam-se assistindo pq tudo, desde o enredo até os efeitos, a luta (curta, mas não importa) e a trilha sonora que me arrepia até agora, tudo ali é F A N T Á S T I C O, e os personagens então nem se falam, até do Superman eu gostei (claro, pq como boa adolescente trevosa meu herói aí é o Batman), e sobre a Mulher Maravilha, a única palavra que a define perfeitamente é o seu sobrenome *-* Só que como eu sou do lado negro da força (mesmo sem ser fã de Stars Wars) eu posso abrir mão de qualquer herói pelo vilão, ainda mais que esse Luthor parece que pegou umas referências com o Coringa, assim pensam eu e outros amigos de amigos (passa na página do Facebook e vc vai ver o Jesse Zuckerberg Einsenberg na foto de perfil).

P. S.: O Jesse não tá mais lá.





Mas essa não foi a única coisa que assisti esses tempos. Como ultimamente tenho embarcado nessa vibe tecnologia/scifi, uma série que me interessou há um tempo e que finalmente comecei a ver é Mr. Robot. Pra quem não conhece a história/nunca ouviu falar: o protagonista Elliot é um rapaz que durante o dia tem um emprego normal mas à noite hackeia as pessoas, ora pra “fazer justiça com as próprias mãos”, ora pra se aproximar delas (ele tem problemas com vida social), e certo dia ele é chamado às pressas pra impedir um vazamento astronômico dos dados da empresa onde ele trabalha. Ele consegue impedir, mas depois fica sabendo que o hack é só um meio de um tal Mr. Robot chegar até ele. O resto vcs vão ter que ver (eu ainda tô no começo, nem posso falar muito), mas digo que os diálogos são ponto alto, bem como os monólogos do Elliot.

Engraçado é que depois fiquei pensando no quanto é fácil pra alguém com conhecimentos invadir a nossa privacidade, pois num mundo todo conectado como esse em que a gente vive é praticamente impossível fazer algo “escondido”. Mas cá entre a gente, eu não acho que alguém que hackeasse a minha webcam conseguiria ver muito além de mim espirrando e assoando o nariz (pq sim, pra mim a vida é aquilo que acontece entre uma crise alérgica e outra). Sério, um dos motivos pelos quais eu escrevo nesse blog é que a minha vida não é lá tão interessante, então nem perca seu tempo tentando me hackear.

Falando em hacks, tecnologia e tal, uma coisa que estou querendo trazer pro blog é uma categoria unicamente pra assuntos tecnológicos e redes sociais, e pensei em chamá-la de “Digital trash” ou “Digital trash/listas”.  Trash não pq o conteúdo seja ruim, claro, mas tinha que ser um nome fucking hipster que combinasse. Nesse espaço, queria trazer dicas de apps (eu não sou daquelas que depende de milhares de apps, mas consigo achar uns bons), pages legais no Facebook (elas estão lá, vc só precisa achar), coleções interessantes no We Heart It, sites com serviços úteis, blogs e posts aleatórios, etc. Essa, já aviso, não é uma ideia nova, já que tem muito blog que tem categorias específicas pra isso ou costuma fazer listas com perfis legais no Instagram ou canais no Youtube. Só que assim como o 5 h e a r t s supriu a falta de um espaço fotográfico aqui, queria algo que preenchesse a necessidade de um cantinho pras tecnologias/goodies que a gente encontra por aí, e eu acredito que isso possa ajudar vcs de alguma maneira. A ideia é essa, só preciso mesmo arranjar tempo pra reunir material, montar os posts e encaixar tudo na minha programação. Só não esperem me ver manjando dos HTML, ok? Eu entendo muito, mas muito pouco disso aí.

E por hj é só, que é pro post não ficar quilométrico e assustar leitor novo. Espero que tenham gostado e me digam se viram ou pretendem ver Batman vs. Superman, se curtem dicas de apps e essas coisas e que séries vcs tem acompanhado ^^


Um beijo e até o próximo post! =)



Image Map

Comentários

  1. Adorei o post! Olha, eu também não sei o que é cinema faz um bom tempo e queria muito assistir a esse filme, só ouço maravilhas e bate aqui, flor. Somos TeamBatman forever, kkk. - Acho o Superman bem sem graça - Enfim, quanto a série, nunca ouvi falar, não faz muito meu estilo também, mas parece ser bem bacana...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mulher, os caras inventam de lançar um monte de filme pensando que a gente tá ostentando, né? kkkkkk Mas se puder, assiste sim, que esse aí vale o ingresso! *-* E sim, TemBatman forever, tamo junto! quanto a essa série, é meio dramática, então tem que ter um pouco de paciência pra ver, mas é boa! um beijo!

      Excluir

Postar um comentário

Essa é a box de comentários do A L L M I N E !

Allons-Y pra quem tem algo legal pra falar e não quer saber de disqus ou verificação de palavras! A box é do próprio Blogger, mas tá liberada pra todo mundo! Também, quem leu com atenção e tem alguma ressalva, elogio, experiência bacana pra contar e qualquer outra coisa que acrescente ao assunto do post ou tem alguma dúvida sobre o que foi falado, pois eu modero e respondo todos os comentários. Pra saber quando seu comentário foi aprovado, marque a opção “Notifique-me”!

Agora, Bye Bye Beautiful pra vc que só aparece pra jogar link e sair correndo, vem spamar, sai por aí carimbando “Amei!” e “Adorei!” mas não diz nada que acrescente ao post, é a (o) louca (o) do “Segui, segue de volta?” ou é troll e vem aqui ofender, vomitar preconceitos e perturbar os outros leitores com suas artes malignas. Volte para a sombra!

Leram essa semana