Blogagem coletiva: Coisas que ninguém te conta sobre... ser introvertido





Oi, amigos, como estão? Espero que estejam bem =)

A Blogagem Coletiva de hj foi proposta pelo grupo Daydream, onde a gente poderia escolher um assunto e dizer algumas coisinhas que ninguém te conta sobre o mesmo. Muita gente fez antes de mim (óbvio, a gente tá no finzinho do mês) e surgiram temas relacionados à carreira e ao mundo dos blogs, mas como não vi nenhum post sobre comportamento, resolvi fazer o meu em cima disso: coisas que ninguém te conta sobre ser um introvertido.

Na verdade, algum introvertido já deve ter te contado essas coisas, só que ainda assim a gente vê conceitos errôneos sendo passados adiante sobre a introversão, como a maldita ideia de que introvertidos odeiam pessoas. Quem odeia pessoas é misantropo, a propósito. Não dá pra entender a confusão de termos. Eles nem são parecidos! O.o

Sem mais, às ~coisas~


Multidões realmente cansam a gente

Não é pq nós preferimos ir embora mais cedo da festa ou evitar lugares lotados que nós não gostamos ou não sabemos nos divertir. As pessoas têm conceitos diferentes sobre o que é diversão, e algumas delas simplesmente não suportam a ideia de ficarem cercadas de multidões, de barulho e poluição visual. Não é frescura quando seu amigo introvertido diz que tá cansado e que por ora prefere ficar na dele. O excesso de estímulo pode ser inofensivo pra algumas pessoas, mas faz mal pra outras. Só que no final, todos nós podemos encontrar algo que nos faça bem. Isso é se divertir.


Nós amamos as pessoas, sim!

É verdade que a maneira tida como apropriada de demonstrar afeto varia de cultura pra cultura, mas parece que existe uma tendência geral de achar que quando a gente ama uma pessoa, tem de provar isso com gestos ~shakespearianos~. Mas vamos com calma. Vc pode não acreditar, mas mesmo quando na “superfície” uma pessoa introvertida parece estar tranquila e favorável, por dentro ela pode estar borbulhando. Acontece que introvertidos não externalizam os sentimentos da mesma maneira que os colegas extrovertidos. Nós sabemos sim amar nossos parentes, amigos e podemos ter relacionamentos amorosos como qualquer pessoa normal, bem como defender aqueles que deixamos fazer parte da nossa vida. Vc só precisa aprender a ler as entrelinhas.


Nós sabemos nos comunicar M U I T O bem =D

É um erro comum mas terrível achar que os introvertidos não sabem ou não gostam de se comunicar. Mas quem pensa assim não poderia estar mais longe da verdade. Prova disso é que os introvertidos são excelentes ouvintes e sabem escolher muito bem as palavras na hora de se expressar. Mas como é de se esperar, nós fazemos isso à nossa própria maneira. Como nós passamos a maior parte do tempo sozinhos ou ocupados com tarefas que dizem respeito a coisas que achamos importantes, a nossa tendência é se concentrar naquilo que é significativo. É por isso que aquele seu amigo introvertido detesta falar do tempo ou de cor de esmalte mas não resiste a uma conversa sobre Leonardo da Vinci. Nós costumamos rejeitar o hábito de jogar conversa fora pq não acreditamos que isso ajude a criar conexões verdadeiras com outros. Então, se vc tem amigos introvertidos, pense nisso como um presente: se eles te escolheram, é pq a sua companhia lhes é relevante.


E essa é blogagem coletiva de hoje ^^ espero que tenham gostado!

Se vc é introvertido, deve ter se identificado com alguma coisa aqui, e se vc não é, não fique ofendido: nós não achamos que vc é fútil ou que só escolhe companhia ruim por ter esse temperamento, mas tudo o que foi falado aqui, vc deve saber, é geralmente associado aos ~quietinhos~


Um beijo, e até o próximo post! =)



Comentários

  1. Nunca entendi muito bem as pessoas introvertidas, talvez pelo fato de eu ser extrovertida ao extremo hahah mas seu post me ajudou a olhar para pessoas assim com mais empatia. Thanks <3

    irianneveloso.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode ser, Irianne, os opostos nem sempre se atraem! kkkk É que no caso dos introvertidos as coisas nunca ficam estampadas pra td mundo ver, é td uma questão de sutileza. Mas fico feliz de saber que o post te ajudou! Um beijo!

      Excluir
  2. Olá Deborah, tudo bem?
    Me identifiquei bastante com o seu post, pois eu sou uma pessoa bastante introvertida. Tenho facilidade de me comunicar apenas com as pessoas mais próximas de mim e demoro pra conseguir fazer amizade. Já sofri bullying por ser muito quietinha, "na minha". Hoje em dia não ligo muito para o que pensam ao meu respeito, apenas mantenho a educação e o respeito. E ficarei feliz quando gostarem de mim de verdade pelo que sou. ♥
    Adorei tudo o que escreveu.
    Beijos :*

    http://midnight-skies.esy.es

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oi, Gaby! O teu caso é o meu quando era mais nova, mas nunca sofri bullying pela introversão. Antes eu só sabia que eu não igual às outras pessoas, mas é bom saber que existe um nome pra isso. E como vc disse, educação e respeito é tudo! Se a pessoa não gosta da gente desse jeito então não vale a pena correr atrás! Um beijo!

      Excluir
  3. Oii :)
    Então, já fui muito e agora sou pouco rs introvertida.. Na minha adolescência eu não conseguia me introsar com as pessoas de jeito nenhum e sempre fui timida, o que não ajudava em nada. E claro, sofri muito bullying por isso. Hoje em dia tô na universidade e me sinto lesada porque não sei me comunicar direito, e evito interagir com as pessoas para não "passar vergonha".
    Abraços

    www.juhlihipy.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Juliana! eu também me sentia assim quando era mais nova, mas com o tempo aprendi que existem várias maneiras de se comunicar! Talvez vc só precise encontrar aquele que lhe cai melhor. E lembre-se: nunca sinta vergonha de ser introvertida. É só questão de personalidade, e personalidade não pode ser confinada a nenhum padrão ;) Um beijo!

      Excluir
  4. Não tenho palavras pra expressar como eu me identifiquei com esse post! Eu sou exatamente assim, sempre que me perguntam uma qualidade, digo ser boa ouvinte. E como você disse, nós nem sempre precisamos ficar demonstrando o que sentimos pelas pessoas da maneira como a maioria delas esperam, nós temos o nosso próprio jeito de expressar isso.
    (Ah, só queria dizer que adorei seu banner)
    Beijos! ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente! Às vezes a gente se esquece de que nem todo mundo lê nas entrelinhas como a gente faz, mas isso é uma coisa que muitos mais poderiam aprender! O comportamento humano não é tão simplista quando pensam. em vez disso, é mutante e um tanto imprevisível!
      um beijo!

      Excluir
    2. P. S: nem todo mundo curte a zona que é o meu banner! Mt obg <3

      Excluir

Postar um comentário

Essa é a box de comentários do A L L M I N E !

Allons-Y pra quem tem algo legal pra falar e não quer saber de disqus ou verificação de palavras! A box é do próprio Blogger, mas tá liberada pra todo mundo! Também, quem leu com atenção e tem alguma ressalva, elogio, experiência bacana pra contar e qualquer outra coisa que acrescente ao assunto do post ou tem alguma dúvida sobre o que foi falado, pois eu modero e respondo todos os comentários. Pra saber quando seu comentário foi aprovado, marque a opção “Notifique-me”!

Agora, Bye Bye Beautiful pra vc que só aparece pra jogar link e sair correndo, vem spamar, sai por aí carimbando “Amei!” e “Adorei!” mas não diz nada que acrescente ao post, é a (o) louca (o) do “Segui, segue de volta?” ou é troll e vem aqui ofender, vomitar preconceitos e perturbar os outros leitores com suas artes malignas. Volte para a sombra!

Leram essa semana