Música: Noise, country e outros achados estranhos




Olá, amigos, como estão? =)

Estive tentando conciliar minhas leituras de posts e outras coisas com a escrita de um fic de Doctor Who, mas não é trabalho fácil hahaha

Estou escrevendo esse post ao som de John Cale e seu Fifty Adventures in the Nookie Wood (disco que eu amo há tempos), mas vim falar sobre as descobertas mais legais (e inacreditáveis) que fiz esses dias em termos musicais. E tem, verdadeiramente, um pouco de tudo: desde noise e experimental até country e rock (!!!).

Sim, a internet é mesmo uma coisa maravilhosa e a música é outra mais ainda, às vezes nem dá pra acreditar que é possível ir tão longe.

Algumas dessas descobertas foram gratificantes, já outras... Mas vamos a elas!


Discos/EPs






The Outs – Spiral Dreams EP

Esse é um EP de 4 músicas que descobri quando um amigo do Facebook compartilhou um vídeo do Youtube se não me engano, senão foi numa página... Enfim, é um som altamente recomendável pra quem curte Oasis, especialmente as duas primeiras faixas. O som é bom, os vocais são bons também. Vale a pena conhecer.






Xiu Xiu & Merzbow – Merzxiu


Noise music sem dúvida é o tipo de coisa que vc não recomendaria para ouvidos muito sensíveis. Se eu tivesse que listar os gêneros musicais menos acessíveis que conheço, certamente ele estaria entre os primeiros. Esse disco, Merzxiu, é uma parceria entre Xiu Xiu e Merzbow, esse último o músico japonês considerado o pai da noise. O disco só tem duas faixas, A e B, cada uma com cerca de 19 e 17 minutos, respectivamente. Eu ouvi a primeira e ainda preciso ouvir a segunda. Mas pq não ouvir tudo de uma vez? Pq noise, amigo, não é música pop pra se absorver tudo de uma vez. E se vc não é especialista em noise (como eu tmb não sou), tem de ir aos poucos, pq esse disco faz até a música do Crystal Castles parecer pop. Um desafio aos ouvidos.





Don Henley – Cass County

Pode parecer estranho que eu não goste de sertanejo, mas tenha curtido um álbum country como esse, que é o mais recente de Don Henley. Mas eu não acho nada disso contraditório, nem risível. Primeiro pq eu nem vejo sertanejo e country como sendo exatamente a mesma coisa (são gêneros de dois países bem diferentes, lembra?), e segundo (e mais importante) é pq o disco é realmente bom, desde a primeira música. É aquele álbum que vc ouve enquanto dirige ou viaja de ônibus, no comecinho ou no final do dia, sozinho ou acompanhado de uma ou duas pessoas, no máximo. Vale ressaltar que a primeira faixa, Bramble Rose, tem a participação de Mick Jagger. Mas as minhas preferidas são Take a Picture of This, No Thank You e Words Can Break Your Heart.


Faixas avulsas

James Blake – Modern Soul


James Blake voltou com uma música linda chamada Modern Soul. Uma ótima notícia pra quem sentia falta da voz suave e do som melancólico do cantor britânico.







Athlete – Chances

Falando em britânicos, um dia desses finalmente encontrei a música que toca no episódio sobre Vincent Van Gogh em Doctor Who, na cena em que ele visita o museu no futuro e fica sabendo que será considerado um gênio em nossa época: é a música Chances, da banda Athlete. Quem gosta da série sabe dos arrepios que a cena acompanhada dessa música pode causar, mas se vc ainda não conhece ou não viu, procure por vídeos no Youtube. É impossível ficar indiferente.







Yuna – Lullabies (Adventure Club Remix)

Essa é uma música interessante que encontrei numa página do Facebook um dia desses, quando postaram o link do Youtube. Ouçam e percebam como é bonita.






Øfdream – First Woe

Se vc gosta de instrumental, hip hop, eletrônica, new age ou música experimental com poucos vocais e sintetizadores, o gênero witch house pode ser pra vc, e é mais ou menos aí que se encaixa o som do Øfdream. Por acaso achei dois canais no Youtube que se dedicam a postar músicas de diferentes artistas desse segmento (ouça aqui e aqui), e uma das que mais gostei foi essa que se chama First Woe. Mas o Øfdream tem outras tão legais quanto.








..R.X.S. – Cold Paris


Seguindo a mesma linha do Øfdream, só que num ritmo mais lento e melancólico, tem o ..R.X.S. (que vc também pode encontrar nos canais que mencionei). Caso vc não esteja familiarizado, no WH os artistas costumam escolher nomes curtos (alguns bem abstratos) e trocarem algumas letras por símbolos, e não é raro que façam o mesmo com os nomes das músicas. Por isso, eu demorei pra gravar o nome desse artista aqui, até que entendi que a palavra que o identifica é Forest. Cold Paris é  só uma das músicas que tenho desse artista nas playlists, mas é uma das que mais gosto. Também, diferente do Øfdream, o ..R.X.S. acaba se repetindo um pouco por usar de ritmos lentos com maior frequência.





E por enquanto é isso ^^ espero que tenham gostado, ou que pelo menos tenham se surpreendido, já que uma viagem sem rumo pelo Youtube pode te levar a lugares que vc nem imagina hahahahaha Aliás, já fazia tanto tempo  que não postava nada sobre músicas novas ou recém-descobertas, e acho que o blog já tava até perdendo a “cara de alternativo” rs

Espero que não demore tanto pra encontrar coisas legais e trazê-las pra cá!


Um beijo e até o próximo post! =)




Comentários

  1. Das suas descobertas eu só conhecia Don Henley (que adoro, por sinal). Tudibão é navegar e se deparar com novidades que nos agradam, né? Especialmente música, que mexe totalmente com a alma e nos acompanha de formas diferentes dependendo de nosso estado de espírito, haha!

    Beijos ;*

    Faroeste Manolo
    Página Facebook

    ResponderExcluir
  2. Isso é demais mesmo! É meu tipo de post preferido! Pq tem dias em que vc tá naquela vibe de sair ouvindo 50 Cent, e outros dias vc só quer ficar quieta num canto ouvindo Enya hahaha
    Obg por comentar!

    ResponderExcluir
  3. Que demais! Não conhecia nada disso. Adoro posts assim, com coisas diferentes para a gente conhecer.
    bjuxxxxxx

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muita coisa aqui vim conhecer só ontem mesmo kkkkkkkkk Mas vc tem razão, somar ao nosso conhecimento é a melhor coisa! Beijos!

      Excluir

Postar um comentário

Essa é a box de comentários do A L L M I N E !

Allons-Y pra quem tem algo legal pra falar e não quer saber de disqus ou verificação de palavras! A box é do próprio Blogger, mas tá liberada pra todo mundo! Também, quem leu com atenção e tem alguma ressalva, elogio, experiência bacana pra contar e qualquer outra coisa que acrescente ao assunto do post ou tem alguma dúvida sobre o que foi falado, pois eu modero e respondo todos os comentários. Pra saber quando seu comentário foi aprovado, marque a opção “Notifique-me”!

Agora, Bye Bye Beautiful pra vc que só aparece pra jogar link e sair correndo, vem spamar, sai por aí carimbando “Amei!” e “Adorei!” mas não diz nada que acrescente ao post, é a (o) louca (o) do “Segui, segue de volta?” ou é troll e vem aqui ofender, vomitar preconceitos e perturbar os outros leitores com suas artes malignas. Volte para a sombra!

Leram essa semana