Poesia e Música: Forbidden Limits e a música do Joy Division pelas ruas



Oi, amigos, como estão? Espero que estejam bem =)

Um dia ouvi Interzone, do Joy Divison, e quis conhecer a letra. Senti minha solidão sem cores e meu medo de me perder no momento em que terminei a leitura. Li, ouvi, cantarolei baixo, respirei fundo e desejei fazer minha própria viagem aos limites da cidade. Procurar por alguns amigos meus. Ou não procurar por ninguém além de mim.

Subir num ônibus e espiar as casas irregulares pela janela. Depois descer e caminhar só pelas ruas. Conhecer o domo onde vivo até suas bordas mais escuras. Ouvir a canção urbana que toca por entre aqueles quarteirões, ver a diferença entre seu tom e o que soa no meu bairro. Absorver a paisagem e sentir os cheiros úmidos de terra e água de um dia cinzento. O vento soprando com um ruído surdo, papéis esvoaçando nas calçadas, paredes grafitadas com códigos que eu, cria de bairro nobre, nunca fui capaz de decifrar.

Quando você conhece uma área na cidade diferente daquela em que vive – proposital ou acidentalmente – há medo e insegurança, mas também há curiosidade e olhos atentos. Quando descobre o ritmo em que a vida caminha nesses limites proibidos, você aprimora seu senso de localização. Você aumenta seu conhecimento geográfico e social. Descobre novas maneiras de se locomover por seu território.

Amplia sua visão da cidade e sua visão da vida.



Forbidden Limits

I came home yesterday
Fighting against that familiar attraction for death
This is what I get for walking through
the forbidden limits of this town

I got into the first metro I saw
I got into there at the coldest hour of the day
The gray weather was fading outside
I dreamed listening to the mechanical songs of downtown
Until their final riffs at the suburbs

I was so high and forgot where I was born
Well, is this important?
How about to be born in nowhere?
So that was the atmosphere…
Suddenly I lost my vision and didn’t know where I was
A tunnel, a corridor, a door to another life
And so what now? Do I have to run?
How long this B&W movie
will be played for me?

How long I will travel through this deadzone?
Life won’t get back until I’ll be free
From this deadzone

This deadzone……  


E pra terminar, interzone do JD, a música que tornou essa bela poesia possível:





E esse é o post de hj, espero que tenham gostado ^^

Um beijo e até o próximo post! =)



Comentários

Leram essa semana